Os Batistas e Baptist Landmarks

O OBJETIVO DESSAS INFORMAÇÕES É QUE OS LEITORES BATISTAS FIEIS E ORIGINAIS POSSA SE DEDICAR AO TRABALHO DE PRESERVAÇÃO E FORMAÇÃO DE NOVAS IGREJAS NOS MOLDES DO NOVO TESTAMENTO

Depois de alguns estudos  sobre os batistas e pesquisas, quero deixar aqui mais informações sobre o grupo de Batistas que veio com trabalho Missionário ao Brasil 1957 (Pr Steve) e 1958 (Pr Jerry Donald Ross). Certamente há outros grupos que não conheço ou não é o foco aqui, assim como são os batistas nos Estados Unidos, mas aqui procuro informar a respeito da linhagem acima.

Estas igrejas nasceram sempre batistas “não associadas” eram locais e independentes, são descendentes de outras igrejas batistas “não associadas” eram locais e independentes, o sistema doutrinário  já existia  antes do que foi datado de Lamdmark 1851 por James Robinson Graves  .

Muitos batista dizem-se lamdmark e é bom ser, é o correto é o Bíblico, mas o que quero mostrar que o sistema de doutrinas que teve origem 1851, ja existiam dentro das Igrejas Batistas “não associadas” que eram locais e independentes, que não formaram a Convenção Batista Do Sul em 1814(inicio)/1845(formação), sempre houve igrejas Batistas “não associadas” que eram locais e independentes, como diz o Pr Steve nessa citação:

” Somos das igrejas dos Estados Unidos que não fazem parte de nenhuma convenção ou associação.Somos independentes neste sentido.

  • Não fomos mandados por junta missionária nenhuma.
  • Não viemos para fazer uma nova convenção nenhuma.(material escrito pelo autor, Pr Steve Montgomery)

 

Aqui deixarei a citação da ABA (associação Batista Americana), landmark e que aceita que existia esse sistema de doutrinas antes da sua formação, ou seja, estava nas igrejas batistas “não associadas”que eram locais e independentes, que não se associaram.

Site:http://abaptist.org/abaha/ 

d. Landmark Baptists also practice restricted or “closed” communion, limiting participation in the Lord’s Supper to the membership of each local church.

Although the tenets of Landmarkism may be found in earlier Baptist groups, they were first formalized in June of 1851 in the famous “Cotton Grove Resolutions” authored by Dr. J. R. Graves, editor of the Tennessee Baptist.

 

Landmarkism (traduzido por google translation)

Da Wikipédia, a enciclopédia livre

Landmarkismo é um tipo de eclesiologia Batista  desenvolvida no Sul-ados Estados Unidos em meados do século 19. Compromete-se a uma versão forte da teoria da perpetuidade das origens batista, atribuindo uma continuidade ininterrupta e uma legitimidade única ao movimento Batista desde o período apostólico . Inclui a crença na validade exclusiva das igrejas Batista e a invalidade das formas e práticas litúrgicas não-Batista. Isso levou a intensos debates e divisões na comunidade Batista.

História [ editar ]

O movimento começou no sul dos Estados Unidos em 1851, moldado por James Robinson Graves do Tennessee, [1] [2] e Ben M. Bogard do Arkansas. [3] O movimento foi uma reação ao progressivismo religioso no início do século. [2] Na época em que surgiu, seus defensores alegaram Landmarkism foi um retorno ao que os batistas já haviam acreditado, enquanto os estudiosos desde então alegaram que era “uma grande partida”. [1]

Em 1859, a Convenção Batista do Sul aprovou várias resoluções desaprovando Landmarkism, o que levou a aderentes gradualmente retirando-se da Convenção Batista do Sul “para formar suas próprias igrejas e associações e criar uma tradição batista Landmark independente”. [4]

Os principais grupos batismais que aderiram aos princípios e doutrinas de Landmark são as igrejas da Associação Batista Americana (fundada por Ben Bogard), da Associação Missionária Batista da América e da Associação Batista Missionária Interestadual e Estrangeira . [5]

O Objetivo do texto  acima é mostrar que sempre houve batistas de linha independentes(“não associadas” eram locais e independentes**), em todas as épocas e pertencemos a esse grupo. Não ha aqui intenção de discussão ou partidarismo, apenas de ser informativo.

**Independente – aqui não se refere ao nome batista independente, mas o sistema, ha muitas igrejas com esse nome mas que não são aderentes mais as doutrinas batistas históricas antigas.

Pr Inácio Barbosa -pesquisa e defesa da Historia das Igrejas de Cristo-19-05-2017.